Campanha do Agasalho: a doação.

Entre Trilhas e Aventuras no YouTubePowered by Rock Convert
Doar e ajudar, é só começar!

Solidariedade, uma palavra que segundo o dicionário significa “caráter, condição ou estado de ser solidário”. O ato de  solidariedade  é uma questão de ser e fazer por vontade e não por obrigação. Fazer algo pelo puro e simples fato de querer ajudar alguém, seja por qual motivo for.

Com a chegada dos meses com maior incidência de frio, nós do Entre Trilhas e Aventuras resolvemos fazer uma Campanha do Agasalho com o objetivo de  ajudar moradores em situação de rua, para que os seus dias e noites frias possam ser mais quentes. Foi uma boa campanha, realizada em pouco mais de um mês, que contou com boas participações de empresas e eventos. Houve bastantes doações de peças como blusas de frio, cobertores, luvas, cachecóis e calças. Alguns amigos pessoais também contribuíram, e muito, fazendo doações e se dispondo a ir no dia da entrega.

Rota de caminhada

Para realizarmos uma rota que fosse favorável e fazer o maior número de doações possível, contamos com a ajuda de um grupo muito especial. Eles já estão engajados a ajudar e nos mostrou um caminho onde se encontram muitos moradores em situação de rua. Todos os domingos à noite levam pão e chá e as vezes também leite quente com chocolate. Como já conhecem muitos dos moradores, sabem da necessidade que cada um tem. Com nossas expectativas altas e com tudo já no carro, faltava somente chegar a hora.

Dia da Doação
Galera reunida na Praça da Estação

Chegou então o grande dia: bora doar os agasalhos. Com a ajuda de amigos já de longa data e dos nossos novos amigos da Campanha do Pão e Chá, partimos da Praça da Estação e seguimos nossa rota por boa parte do hiper centro e área hospitalar da cidade. As mochilas e sacolas estavam abarrotadas de agasalhos. Tudo foi bem divido, para na hora da distribuição sabermos quais eram as peças masculinas e femininas. A população masculina é claramente maior nas ruas e o número de agasalhos deste gênero maior, por este motivo.

A cada ponto que parávamos, a maior parte das pessoas aceitavam tudo o que lhe era oferecido. São muitas as histórias de vida e, em pouco tempo acabamos sabendo de algumas partes, o que nos deixou chocados. Um morador de rua chamou muita atenção por não aceitar o agasalho. Ele pura e simplesmente alegou já ter o suficiente e que seria interessante deixar para quem mais precisava. Ser uma pessoa boa independe do local que você mora e da situação em que vive.

A cada peça de roupa retirada da sacola um pensamento vinha a cabeça: como posso reclamar tanto de coisas superficiais enquanto tem pessoas passando por momentos mais difíceis que eu? Mas, o importante é que todas as boas ações nos fazem pensar em nos tornarmos pessoas melhores e ajudar mais ao próximo. E com isso, a Campanha do Agasalho nos deixou uma lição: ao ajudar os outros, sem saber, nós estamos mudando a nós mesmos  e nos tornamos pessoas com melhores pensamentos e atitudes.

Como as doações foram satisfatórias, muitas foram as peças de roupa que sobraram e iremos fazer uma nova caminhada, levando os agasalhos para quem tanto precisa aquecer o corpo e a alma.

Participe você também! Esteja ligado em nossas redes sociais e veja qual será o próximo dia de doação.

Queremos saber a sua opinião sobre o nosso conteúdo!